Sindicato dos Aeroviários no Estado de São Paulo
Quarta, 05 de Outubro de 2022

Aeroporto de Londres pede desculpas a mulher tetraplégica esquecida dentro de avião

07/06/2022

125287737_gatwickvictoriabrignell-696x392

Victoria Brignell, moradora de Londres, recebeu um pedido de desculpas do aeroporto de Gatwick, na capital inglesa, após um caso no mínimo inaceitável ganhar repercussão local.

A passageira, que é tetraplégica, ficou mais de uma hora e meia retida sozinha dentro de um avião depois que as equipes do terminal aéreo não foram ajudá-la a desembarcar.

A mulher, que tem paralisia do pescoço para baixo, afirmou que foi inicialmente informada de que teria que esperar no avião por 50 minutos. A empresa contratada para atender passageiros com deficiência, no entanto, não apareceu e ela precisou esperar por mais tempo.

“Pouco após o pouso, a equipe da companhia aérea da BA veio até mim e disse que sentia muito, mas as pessoas que deveriam me ajudar a sair do avião não estariam lá por 50 minutos. O tempo passou e me disseram que seria mais meia hora em cima disso. No final, eu esperei uma hora e 35 minutos”, disse Victoria, que declarou ter contratado o serviço de ajuda com três meses de antecedência e lembrou a companhia aérea novamente duas semanas antes do embarque.

A administração do terminal pediu desculpas a passageira e classificou o tratamento como “inaceitável”.