Newsletter
Cadastre-se e receba nossas informações
Nome
E-mail
Digite o código abaixo
 
 
Redes Sociais
   
 
Filiado à
 
 
 

Notícias

14/11/2017

Brasília e Rio de Janeiro são os destinos mais requisitados

Aeroporto da Pampulha

Brasília e Rio de Janeiro são os destinos mais demandados pelas companhias aéreas que querem operar no aeroporto da Pampulha com voos de grande porte. A Agência Nacional da Aviação Civil (Anac), que divulgou nesta segunda-feira (13) o resultado da distribuição dos slots (espaços) para cada companhia, ainda não informou quantos voos cada destino deve ter, mas confirmou que a rota do Congresso é a mais requisitada, seguida pelos aeroportos Santos Dumont (RJ), Vitória (ES), Congonhas (SP) e o de Goiânia (GO). O Nordeste não foi listado como destaque entre os pedidos. Sobre a data de retomada das operações, ainda não há definição.

A agência reguladora está agora esperando que as companhias áreas formalizem os pedidos de horários de voos para analisar a melhor distribuição. O que já foi definido foi a disponibilidade máxima de operações para cada uma. Juntas, elas dividirão a capacidade de 574 voos semanais, ou seja, 82 por dia. Desse bolo, Avianca, Azul e Gol abocanharão uma fatia de 62%, sendo o maior pedaço para a Avianca, que ficará com 22%. As outras duas ficarão com 20% cada.

Os slots autorizados são para o período de 25 de março a 27 de outubro de 2018. Nessas 30 semanas, a Avianca poderá realizar 3.788 operações, o que dá cerca de 18 voos diários. Azul e Gol poderão operar cerca de 16 voos por dia, cada uma. A Passaredo, que ficou com uma fatia de 17%, poderá realizar até 14 operações diárias, seguida da Latam (12%), que tem a possibilidade de explorar até dez voos por dia. A Two Flex, que faz voos subsidiados pela Codemig, terá direito à média de sete por dia.

A Anac esclarece que esse é o potencial máximo do aeroporto da Pampulha, mas ressalta que a ocupação vai depender do interesse das empresas. Juntas, elas tinham pedido 77 slots.

Estrutura. A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) destaca que o terminal está totalmente pronto para iniciar as operações, o que depende só da agência reguladora.

Mas, além das autorizações dos voos, a Infraero terá outro desafio pela frente. Segundo o representante da associação dos moradores dos bairros São Luís e São José Pro-Civitas, Carlos Conrado, que também é aviador e perito na investigação de acidentes aeronáuticos, a estrutura atual é muito precária e não comporta o movimento que está sendo projetado. “Quando chove, o aeroporto alaga. E só tem 80 assentos para os passageiros”, ressalta.

A Anac fez os cálculos das operações com base na capacidade informada pela Infraero, que é de 11 movimentos e 300 embarques e 360 desembarques por hora, o que dá 660 passageiros por hora. Em um ano, a capacidade estimada seria de 3,85 milhões. Entretanto, segundo a própria Infraero, o terminal poderia receber hoje 2,2 milhões de passageiros por ano. Segundo a assessoria de imprensa, a distribuição será regulada pela Anac, que levará tudo isso em conta.

FOTO: FRED MAGNO – 25.10.2017
Pampulha
Terminal só tem 80 assentos para passageiros atualmente

ESTIMATIVA

Capacidade máxima de passageiros por hora:
300 embarques
360 desembarques
660 pessoas ao todo
Quantas horas vai funcionar por dia:
16 horas
Máximo de passageiros esperados por dia:
660 X 16 = 10.560
Máximo de passageiros esperados em um ano:
10.560 X 365 dias = 3,85 milhões
Capacidade atual ao ano:
2,2 milhões de passageiros, segundo a Infraero

Aeroporto vai funcionar das 6h30 às 22h30

O aeroporto da Pampulha vai funcionar das 6h30 às 22h30. O horário foi informado nesta segunda-feira (13), mas a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) ainda não informou se o terminal funcionará todos os dias da semana. “Vai depender da demanda das companhias”, diz a assessoria de imprensa da Infraero.

As companhias ainda não detalharam as rotas. Entretanto, a Gol disse que está apta a iniciar as operações neste terminal. A Avianca disse que está “sempre avaliando possibilidades que agreguem resultados ao negócio e benefícios aos clientes”. A Azul afirmou que está realizando estudos e planejando sua malha para enviar as hotrans (pedidos de horários de voos). A Latam disse que pediu voos regulares para Brasília e Santos Dumont.

 
 
Parceiros
SINDICATO DOS AEROVIÁRIOS NO ESTADO DE SÃO PAULO
Av. Washington Luis, 6979 - Santo Amaro - CEP 04627-005 - São Paulo / SP
Fone (11) 5536-4678