Newsletter
Cadastre-se e receba nossas informações
Nome
E-mail
Digite o código abaixo
 
 
Redes Sociais
   
 
Filiado à
 
 
 

Notícias

21/07/2017

EUA endurecem segurança em voos

 O Departamento de Segurança Nacional dos Estados Unidos anunciou ontem um endurecimento da segurança em voos procedentes de 105 países, ainda que, por enquanto, os passageiros possam continuar usando aparelhos eletrônicos em suas bagagens de mão. Entre as nações afetadas estão: Brasil, Espanha, México, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Honduras, Nicarágua, Panamá e Peru, disse o porta-voz do departamento, Dave Lapan. Desde a meia-noite de quarta-feira, 180 companhias aéreas que operam a partir destes 105 países começaram a implementar maiores medidas de segurança a pedido do governo dos EUA que, por enquanto, não revelou em que consistem as mudanças, por motivos de segurança. Essas 180 companhias aéreas operam em mais de 280 aeroportos que servem como último ponto de partida para os Estados Unidos. Por enquanto, segundo o Departamento de Segurança Nacional, nenhuma companhia aérea implementou medidas para proibir o transporte em cabine de aparelhos eletrônicos maiores que um telefone, como laptops, tablets, câmeras e livros eletrônicos e outros.

Cultivo
Colômbia — Os cultivos de coca aumentaram na Bolívia em 14% em 2016 ante 2015, após cinco anos de redução contínua, informou o Escritório das Nações Unidas contra a Droga e o Delito (UNODC, na sigla em inglês) na quarta-feira. “Este incremento é um fator de preocupação para nós”, disse Antonio De Leo, representante no país da agência da Organização das Nações Unidas. De Leo divulgou os resultados do relatório anual de monitoramento de cultivos de coca na ausência do presidente Evo Morales, que está em viagem à Nicarágua.

Nacionalista
Índia — Um líder nacionalista hindu, Ram Nath Kovind, foi apontado como novo presidente da Índia, um posto em grande medida cerimonial. Kovind foi eleito pelo Parlamento indiano e pelos Legislativos estaduais, em uma votação realizada na segunda-feira, mas que teve resultados anunciados apenas hoje. Ex-governador de Bihar, no leste indiano, Kovind é há tempos associado ao Rashtriya Swayamsevak Sangh, ou Corpo Nacional de Voluntários, um grupo hindu acusado de fomentar o ódio religioso contra os muçulmanos.

Ciberataque
Holanda — O Serviço Europeu de Polícia (Europol) anunciou ontem que, com a colaboração do FBI (a polícia federal americana), da Agência Antidrogas dos Estados Unidos e da Polícia Nacional da Holanda, conseguiu tirar do ar dois dos principais sites de comércio ilegal da dark web (rede sombria), uma parte da internet não acessada através dos navegadores comuns. A investigação possibilitou que os agentes derrubassem a infraestrutura de uma economia criminosa escondida na internet responsável pelo tráfico de artigos ilegais como drogas e armas.

Corrupção
Chile — A Justiça chilena rejeitou ontem exonerar Sebastián Dávalos, filho da presidente do Chile, Michelle Bachelet, por suposto envolvimento no caso “Caval”, um polêmico negócio imobiliário pelo qual ele e sua esposa, Natalia Compagnon, são investigados. A Corte de Apelações de Rancagua, 90 quilômetros ao sul de Santiago, não acolheu a solicitação de suspensão do processo apresentada pela defesa de Dávalos, que argumentava que ele já declarou em três oportunidades e esclareceu seus vínculos com a empresa Caval, de propriedade da sua esposa.

 
 
Parceiros
SINDICATO DOS AEROVIÁRIOS NO ESTADO DE SÃO PAULO
Av. Washington Luis, 6979 - Santo Amaro - CEP 04627-005 - São Paulo / SP
Fone (11) 5536-4678