Newsletter
Cadastre-se e receba nossas informações
Nome
E-mail
Digite o código abaixo
 
 
Redes Sociais
   
 
Filiado à
 
 
 

Espaço Mulher

30/01/2015

Justiça manda prefeitura admitir concursada obesa

A Justiça de Buritama mandou a prefeitura local admitir a auxiliar de serviços gerais que foi impedida de assumir o cargo por ser obesa. Josiani Alves Nicolete foi aprovada em concurso público feito em 2013 para a vaga de agente de serviços gerais em uma creche. 

Ela denunciou à Justiça que foi impedida de assumir o cargo em outubro do ano passado após ser chamada, por ser considerada acima do peso. A mulher, que trabalhava como diarista tem 35 anos, pesa 125 kg e tem 1,62 m de altura. Segundo ela, o médico da empresa contratada para fazer o exame médico nos candidatos informou que ela esatva obesa e por isso não seria admitida. 

Na sentença, o juiz Mateus Moreira Siketo afirmou que não havia item específico no edital que apontasse sobre a necessidade do candidato ao cargo apresentar índice de massa corpórea (IMC) dentro de certos parâmetros. 

“É incabível a eliminação de candidato em concurso público por motivos abstratos e genéricos, motivos hipotéticos recolhidos na órbita da mera possibilidade", diz trecho da sentença. 

A Prefeitura de Buritama informou que ainda não foi notificada da decisão judicial.

 
 
Parceiros
SINDICATO DOS AEROVIÁRIOS NO ESTADO DE SÃO PAULO
Av. Washington Luis, 6979 - Santo Amaro - CEP 04627-005 - São Paulo / SP
Fone (11) 5536-4678